Resenha: Animate Me - Amor Criativo

Autora: Ruth Clampett
Título Original: Animate Me
Editora: nVersos
Páginas: 415


Sinopse:
O livro é narrado por um nerd – Nathan, um rapaz de 20 e poucos anos, tímido, talentoso, fã de quadrinhos e que nutre uma paixão secreta por sua colega de trabalho, a executiva Brooke, de 30 anos. Sem esperanças de que um dia a garota poderia sequer notá-lo, Nathan começa a escrever uma história em quadrinhos com sua versão do mundo a partir do seu amor por ela. O que ele não esperava era que um projeto em comum os unisse. A partir de um encontro inesperado numa loja de acessórios para computadores, Nathan passa a levar café para Brooke todas as manhãs em seu escritório, mas um detalhe pra lá de sedutor marca o ritual: em cada copo ele desenha uma ilustração, e cada imagem é uma espécie de sinal que apenas eles conhecem. Depois de saber que Nathan está apaixonado por uma colega de trabalho, Brooke passa a ajudá-lo a tornar-se um conquistador, porém, mal sabe ela que a tal colega é ela mesma. Depois de algumas “aulas” recheadas de muito erotismo, o casal mergulha num tórrido romance. O único problema é que Brooke é uma mulher comprometida, e com ninguém mais ninguém menos que com o presidente da empresa em que eles trabalham.





Comprei esse livro pela capa, me apaixonei por ela kk

Depois que chegou fiquei enrolando para ler, e fiquei lendo comentários sobre ele, e depois pensei: "Tenho que começar a ler, LOGO!"

Vamos lá..

Nathan é um Geek e um animador super criativo que trabalha na República do Rabisco. Ele, muito talentoso criou A Garota B, uma história em quadrinhos que ele escreve nas horas vagas, e sua musa inspiradora  nada menos é que a Brooke, uma executiva da empresa, e para a tristeza de Nathan, ela namora com o Arnauld,  um dos presidente do estúdio.(E que não podemos esquecer, que é um relacionamento nada normal)

SIM!! Eu disse, "e para a tristeza de Nathan"!! Ele é  muito tímido e retraído, e vive um amor platônico por Brooke.

Até que o destino resolveu dar uma mãozinha! Uhuu

 Brooke nunca percebeu Nathan, até que um dia  precisou ir no Mundo Geek, onde Nathan estava fazendo um 'bico', ela precisava de uma cordinha para o computador, sim uma "cordinha" O.o (cabo USB kkk)
Papo vai, papo vem.. Ela acaba 'descobrindo' que ele também trabalha na República do Rabisco, nisso ele se oferece para ajudar com o danado do notebook (menino esperto! rs),  e aí começa uma amizade entre eles, e ela mal sabe que ele já está tão apaixonado.

Ele começa a levar café da Starbucks para ela todos os dias, mas não é qualquer 'copo de café da Starbucks', é um copo de café da Starbucks que ELE personaliza.. entenderam isso minha gente??
Cada dia ele desenha no copo, coisas referentes as conversas que eles tem no dia a dia; nessa trocar de conversa casual, uma brilhante ideia se forma na cabecinha do Nathan, ele a deixa pensar que está interessado em outra garota e ela se oferece a ajudar a conquistar a tal garota... esse plano, para o Nathan, é uma oportunidade..

Ela não tem muita ideia do que está acontecendo, porém se sente muito a vontade perto dele, até que ela consegue enxergar o que está na sua frente de óculos hehe

Mas para isso, muitas coisas acontecem.. Coisas que eu não vou falar =P kkk

Esse livro, fofo, que não me arrependo de ter comprado pela capa, virou um dos meu favoritos. Fiquei com aquela depressão, uma leitura deliciosa e nem um pouco monótona, momentos fofos e recheados de desenhos... Issooo mesmo, no livro tem alguns desenhos que o Nathan faz no copo, e isso faz o livro muitooo mais interessante

Ah!! já ia me esquecendo, ele tem uma pitada de hot, nada que o torne um livro erótico, mas tem cenas quenteees rsrs









Espero que tenham gostado da resenha!! ;)

4 comentários:

  1. Super amei a resenha e o book trailer, vai entrar pra minha lista com certeza!!!! A capa é muito fofa, já me apaixonei kk Beijos
    http://chuvacobertaelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Fernanda!! ;)

      Espero que goste também..

      bjos

      Excluir
  2. Muito fofa essa história!!!

    ResponderExcluir