Resenha: Shift - Em Bailey

Título: Shift
Autoras: Em Bailey
Editora Fundamento
Páginas: 292
Compre: Aqui


Olive Corbett não é louca. Ela já foi bonita, divertida e a melhor amiga de Katie, a garota mais popular da escola. Agora, Olive não se reconhece mais… Depois do “incidente”, o que ela mais quer é ficar sozinha e evitar problemas. E tudo vai bem até a chegada da estranha e misteriosa Miranda Vaile. Olive sabe que o mais sensato a fazer é se afastar de Miranda e de seu passado assustador. Mas ela não consegue… Miranda está manipulando Katie, o que inclui roubar as roupas, o namorado e a identidade dela. Além de drenar toda sua vitalidade, como um parasita… E ninguém, nem mesmo Katie, percebe isso. Será que, mais uma vez, Olive está perdendo o controle sobre a realidade? Ou Miranda está realmente “sugando” a vida de Katie, transformando-a em uma sombra? Quem ou o que Miranda realmente é? Há algo muito perigoso no ar e, para descobrir o que é, Olive tem que ir realmente fundo nessa história. Mas como fazer isso se ela mesma é uma vítima? Como proteger quem ela ama?





"Esse é o problema quando você é a única pessoa que acredita em alguma coisa. Você começa a se perguntar se não está errada. E parece bem mais fácil se deixar levar pela opinião da maioria, como qual quer outro."

Foi amor a primeira vista por esse livro, a capa dele me encantou assim que vi. Nos últimos tempos estava evitando fazer leitura sem antes ler a sinopse por medo da decepção, mas esse não me decepcionou, muito pelo contrário, me encantei por ele a cada capítulo, e nesse livro conheceremos Oliver Corbett.

Olive Corbett  já foi a garota popular da escola e adorava manipular para ter tudo o que queria, porém após um incidente ela retornou pra escola, e além de acabar com a amizade com sua amiga Katie, hoje ela não é mais a aquela garota popular que todos queriam ter ao redor.  Hoje ela vive isolada por medo e para evitar problemas, ela não sabe mais nem quem ela é. Em muitos momentos sente falta de Katie , mas por medo ela evita tudo e todos. A vida dela não é nenhuma  maravilha e tudo pode piorar ainda mais após a chegada da nova aluna Miranda.
"Mas definitivamente havia algo em Miranda que tornava difícil captá-la com o olhar. Ela era tão apagada que nossos olhos de repente se desviavam dela para buscar algo mais sólido nas proximidades."
Olive assim que vê Miranda sente que algo está errado, mas não sabe exatamente o que pode ser. Miranda começa a se relacionar com a Katie antiga amiga de Olive, e mudanças em Katie começam acontece, não só na personalidade mas em tudo, desde aparência até em seus relacionamentos. Katie deixa de ser a menina popular do colégio de tanto que Miranda suga ela. Miranda quer se apropriar de tudo de Katie, desde sua aparência até seu namorado, e a única pessoa que consegue reparar nisso é Olive.



Olive tem medo de falar algo e ninguém acreditar nela, então ela continua calada, mesmo sabendo que algo muito errado está acontecendo. No decorrer dessa história várias revelações são feitas e posso garantir que nada é o que parece. Shift significa Mudança e realmente Olive nesse livro vai passar e presenciar mudanças que ela jamais poderia imaginar.
"Você não pode depender dos outros para reparar suas coisa, dizia-me ele. "É melhor você aprender a fazer."
O livro é escrito em primeira pessoa e pelo ponto de vista de Olive, deixando a gente sempre ciente de todas suas suspeitas e descobertas. A capa do livro me encantou, mas a diagramação dele me fez ficar ainda mais apaixonada e durante o decorrer da leitura não encontrei nenhum erro ortográfico.



A autora abordou temas intensos como depressão e suicídio, mas a abordagem dela foi tão sutil e natural que em nenhum momento a história se tornou difícil, muito pelo contrario, ela conseguiu escrever de uma forma que você não quer parar de ler e você se vê presa durante a leitura sem ver a hora passar.
"Acredita que coisas estranhas estejam acontecendo? – perguntei. – Você sabe… Coisas nas quais uma pessoa normal não costuma acreditar?"
Não posso fazer essa resenha sem falar do Lachan, me encantei por ele na primeira aparição dele. Lachan não foi só um romance que Olive tentou a todo custo evitar, mas também foi o amigo que ajudou e acreditou nela quando ela sempre imaginou o contrário. Lachan esteve sempre disposto a ajudar Olive, mesmo ela nem mesmo imaginando precisar de ajuda.

Esse livro foi muito mais do que pensei, uma história pra todos lerem, um livro que vai fazer repensar sobre suas atitudes e duvidar inclusive do que é real ou não. Uma história de amor, perdão, segundas chances, amizade e família, com uma narrativa que vai te prender do início ao fim.







19 comentários:

  1. Não sei pra outros leitores, mas eu acho essa sinopse meio aterrorizante. Sei lá, alguém "roubando" a vida do outro e nem sabemos de onde ela é.
    Não consigo ler um livro sem ler a sinopse e até uma resenha, geralmente meus livros são dicas de vocês.
    Achei a capa bem bonita também, chamou minha atenção ;)

    ResponderExcluir
  2. Pela sinopse não sei se compraria, mas pela capa sim.
    Adorei a história da Olive. Ela vê tudo que acontece imaginando que já esteve naquela situação e vendo a antiga melhor amiga sendo sugada por uma menina, não deve ser fácil.
    Que bom que a autora aborda esses temas de suicídio e depressão. É sempre importante lembrar e saber.
    Lerei em breve *-*
    Abc

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Que livro instigante, com certeza vai entra na lista de futuras compras, adorei a premissa deste livro. Estou apaixonada pela capa dele. Eu que pelo livro ser narrado pela Olive dever deixa o leitor instigado porque ela mesmo acha que esta louca e leitor pode achar o mesmo. estou muito curiosa pra ler este livro agora.
    Bjus.

    ResponderExcluir
  4. Oi Raquel ;)
    Acho que compraria e leria o livro só por essa capa, que chama muito a atenção!
    Adorei a premissa do livro e gostei demais da sua resenha, e sinto que vou gostar muito dos personagens, principalmente do Lachan.
    Obrigada pela indicação, já coloquei na lista de leitura *-*
    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Raquel!
    Tem muitos livros hoje que falar de depressão e suicídio, gosto sempre de ver a aboradagem dada pelo autor, porque cada um encara o assunto, ou o aborda, de forma diferente.
    Fico pensando o ponto de desequilíbrio psicológico de uma pessoa querer se passar por outra...
    Desejo uma semana de luz e paz!
    “Não há saber mais ou saber menos: Há saberes diferentes.” (Paulo Freire)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Não dei muita atenção pra esse livro quando vi, a sinopse dele não me deu muita vontade de ler. Achei legal mas nem tanto pra pegar.
    Por isso é bom ver umas resenhas assim. Parece que a história acaba sendo boa de acompanhar. Gostei dessa Olive.
    E achei legal que tenha uns temas fortes como esses que disse, de depressão e coisas assim, porque quando pegam e deixam uma coisa mais leve fica interessante de ler, sem ser muito puxado ou só focado nisso.
    Se prender desse jeito mesmo deve ser bom.
    Talvez valesse a pena dar uma chance...

    ResponderExcluir
  7. Desde que vi a capa deste livro me interessei pela leitura, e após ler várias resenhas e perceber o quanto esta estória e tocante e nos faz refletir, até porque abordam temas densos. Enfim, estou bastante entusiasmada com esta leitura, e tenho certeza que vou me envolver com a estória desta personagem.

    ResponderExcluir
  8. Eu já vi a resenha desse livro no blog Fundo Falso e tinha amado a premissa e a resenha dela! A capa é maravilhosa e já dá para perceber que o livro aborda assuntos complicados.
    A história achei bem original e estou doida para comprar e ler! Estou nessa vibe de livros mais profundos!

    ResponderExcluir
  9. Oi Raquel!
    É a segunda resenha que leio desse livro, eu gostei mto do enredo, principalmente delicado por ser um assuntos tão reais que afetam mtas pessoas, eu qro ler!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  10. Oi Raquel,
    O primeiro ponto que me chamou atenção neste livro foi a capa e o segundo a trama. Olive e Miranda são personagens que me intrigaram e fiquei curiosa para conhece-las. Apesar de toda trama trazer este ar de suspense e dar a sensação de que irá direcionar a história para um caminho mais sobrenatural, são os elementos reais inseridos e explorados, como amizade e depressão que mais me intrigaram. Fiquei com muitos questionamentos com a sinopse, por isso quero muito lê-lo.

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bom?
    Gostei muito da resenha, não tinha ouvido falar do livro ainda, mas fiquei super interessada nele, e já até adicionei na minha lista de desejados. Quero saber o que Olive irá fazer diante dessa situação, eu as vezes faço isso, iniciar a leitura de um livro sem nem sequer ter lido a sinopse e acabo me surpreendendo muito.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  12. Boa noite!
    Achei muito interessante o tema do livro, assim como sua premissa, realmente fiquei muito curioso na leitura do mesmo. Gostei de saber que a autora passa mensagens importantes através de sua obra e que os personagens são bacanas.
    A capa está linda, estou doido para conferir ''Shift''.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  13. Bom dia, parabéns mais uma vez, sua resenha como sempre está maravilhosa, mais um, pra minha infinita lista de compras e leitura <3

    ResponderExcluir
  14. Achei que a autora quis abordar temas batidos como depressão de uma forma mais interessante (tomar a identidade de outra pessoa e suas consequências).
    Que bom que não encontrou erros ortográficos, fico agoniada quando leio e encontro dá vontade de riscar o livro pra corrigir kkkk
    Adorei a capa também, muito criativa!

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Não conhecia o livro mas fiquei super intrigada com a capa. A premissa é muito boa e me deixou super curiosa. Parece ser um livro com uma leitura bem rápida e envolvente. Acho que é bem meu estilo de leitura, então já vou adicionar na wishlist <3
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Adorei essa capa; o livro parece ser super interessante de se ler, fiquei super curiosa para saber por quais mudanças Olive vai passar e quais ela vai presencias, a leitura parece ser super envolve e também adorei a frase "Se assusta, então vá lá e faça"; espero poder ler o livro em breve.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Acredito que estás certa a frase que diz que todos seguimos a opinião da maioria. Às vezes sentimos medo das críticas e se deixamos levar pela opinião alheia. Por isso parece que nada muda...

    ResponderExcluir
  18. Oi, Raquel!!
    Que livro mais bacana!! Gostei muito da resenha e também da sinopse da estória!! Não sabia que esse livro abordava os temas como depressão e suicídio. Fiquei bem curiosa para saber mais dessa obra.
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Ganhei esse livro num sorteio mas até o presente momento ainda não o li. Gostei da sua resenha que me deu uma idéia do que esperar do livro, que deverei ler assim que terminar os escolhidos para esse mês. Não gosto de leituras sobre suicídio e depressão mas estou ansiosa para começar a ler.

    ResponderExcluir